Ex-funcionários de Naldo vencem processo e receberão 500 mil reais de indenização do cantor

O cantor Naldo Benny terá de pagar cerca de R$ 500 mil em indenizações para três ex-funcionários que o processaram. A ação foi movida na Justiça Trabalhista, que deu ganho de causa para os requerentes.

As informações são do colunista especializado em celebridades, Leo Dias. Ele afirma que o ex-funcionário Fernando Salme receberá um valor de R$ 80 mil. Já os dançarinos Maria Eduarda Vieira Aurélio e Rafael de Almeida devem receber algo em torno de R$ 160 mil e R$ 200 mil.

Para mover a ação, o trio alegou que trabalhou vários anos sem carteira assinada – o que levou à supressão de direitos trabalhistas como o 13º salário, as férias e o FGTS.

A Justiça expediu a penhora de uma empresa do funkeiro, mas havia apenas R$ 9 mil reais depositados em conta.

“Recentemente, o cantor postou nas redes sociais ostentando viagens internacionais e espessas correntes de ouro, além de dirigir carros de luxo e também postar em suas redes sociais. Vamos tentar incluir a penhora das contas pessoais de Naldo e demais sócios da empresa”, disse o advogado dos ex-funcionários, Marcelo Camello.

© CHINACDS.COM.BR - 2010/2018 - Todos os direitos reservados, não copie, crie. Deus é fiel. Made in Wordpress